11 setembro 2013

Shhh


Para dizer a verdade o que mais me custa é a despedida. Despedir-me de ti está fora de questão. As memórias fazem de nós unha e carne e não me encontro preparada para me desfazer delas. Talvez porque sempre falaste demais, palavras ou beijos. Agora nada. O silencio faz-me bem mas a calma não. Adorava como me agitavas. E sussurrava-te, dessarruma-me à vontade.

11 comentários:

Margarida disse...

encontrei o facebook e apercebi-me que não és só linda por dentro...

andrii disse...

não, princesa. está tudo na mesma. exceptuando talvez uns pormenores que aconteceram ontem, mas sobre o f. tenho de te contar!
somos lindas, sabes! e agradeço-te pelo mesmo <3

So' disse...

Ha memorias quase impossiveis de esquecer
P.s. juro que o teu blogue me transmite uma calma o: é mesmo relaxante

Jun disse...

Opa que querida Margarida!

Cleo. disse...

Isto aqui está lindo: "O silencio faz-me bem mas a calma não. Adorava como me agitavas. E sussurrava-te, dessarruma-me à vontade."

sophia disse...

Tranquilizas-me sempre com as tuas palavras, fazes-me sentir acompanhada minha doce jun. E mais uma vez, está maravilhoso, nunca perdes esse toque doce e encantador. Tinha saudades.

Inês Brito disse...

Muito obrigada! ♡
E que belo rascunho

Alicia Alina disse...

Me gustó tu blog. Nos leemos de cerca.
Aquí te dejo una invitación al mío:
globosagua.blogspot.com

Gabi. disse...

a tua escrita é linda!

Cláudia Ribeiro disse...

Adoro a tua escrita, é pura, é maravilhosa.

Gabi. disse...

oh tu és tão fofinha, já podes ir ver querida :)
como tu estás?